Caravana contra o crack e a pedofilia passa por Sergipe

Senador Magno Malta concede entrevista coletiva à imprensa
25 de maio de 2012
Campanha dá dicas de segurança
30 de maio de 2012

A passagem da Caravana ‘Todos contra o crack e a pedofilia’ por Sergipe foi um grande evento. Idealizado pelo senador Magno Malta, em parceria com o Sest/Senat, o movimento foi o primeiro realizado no Nordeste e em uma cidade do interior. Todas as demais ocorreram em metrópoles devido à grande estrutura que envolve a sua realização. Desse modo, o feito só pode se concretizado em Sergipe graças ao empenho de importantes parceiros.

Fizeram parte dessa corrente que tornaram possível a execução do evento, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Município de Aracaju – Setransp -, a Petrobras, a Votorantim Cimentos, a Usina Pinheiro, a Universidade Tiradentes, a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito, a Fazenda Boa Luz, a Pinheiro Vigilância, a Absoluta Eventos, a TV Cidade, a TV Sergipe, a TV Atalaia, o Cinform, a FM Sergipe, a Mega FM, a Jean Moura Produções, a Caixa, a Prescol, o Latino Studio Fotográfico, a Apple Confecções, a Gráfica J. Andrade, a Universidade Federal de Sergipe, a Polícia Federal Rodoviária, a Boxx Soluções Integradas, a WG Produções e a Salvador Locadora.

Assim, na tarde de ontem, o auditório do campus de Laranjeiras da Universidade Federal de Sergipe ficou lotado de pessoas dos mais diversificados meios sociais, entre imprensa, órgãos governamentais, empresas privadas, instituições sem fins lucrativos e representantes da sociedade civil. Todos interessados em fazer parte desse movimento que pretende proteger crianças e adolescentes de males tão devastadores.

Entre os componentes da mesa estavam os senadores da República Magno Malta e Lauro Antônio, a primeira dama do Estado e secretária da Inclusão Social Eliane Aquino, a prefeita do município de Laranjeiras Maria Ione Macêdo Sobral, o juiz José Amintas de Menezes Júnior, o presidente da Câmara de Vereadores de Laranjeiras Luciano dos Santos, o promotor da Infância e da Juventude Walter Cézar, a diretora do Sest/Senat Danielle Queiroz, o vice-diretor do campus de Laranjeiras da Universidade Federal de Sergipe Gilson Rambelli, o padre Geofredes, coordenador do setor da Juventude da Arquidiocese de Aracaju e Frank Aguiar, vice-prefeito da cidade de São Bernardo do Campo (SP), entre outras autoridades.

 

Orientação

Em pronunciamento, Eliane Aquino destacou que o trabalho de prevenção e combate às drogas e à pedofilia deve ser constante. “Precisamos fazer com que as informações cheguem aos municípios e que os prefeitos de cada cidade abracem a causa. Temos que continuar nos indignando e cuidando das nossas crianças”, declarou ela. O promotor da Infância e da Juventude também defendeu a mobilização da sociedade e a efetiva participação dos professores nessa luta. “Eles têm um papel fundamental no sentido de orientar os jovens”, acredita Walter Cézar.

Em seguida, o senador Lauro Antônio parabenizou a iniciativa de Magno Malta e à prefeita do município de Laranjeiras por acolher o evento. Ele também destacou que a luta contra o crack e a pedofilia deve ser de todos, indiscriminadamente, e da forma que os políticos podem atuar a favor dessas e de outras importantes causas. “Antes tinha vergonha de entrar na política. Pensei muito antes de fazer essa opção, mas hoje eu agradeço por ter tomado a decisão de fazer parte desse mundo. Estou tendo a oportunidade de conhecer muitas pessoas boas e que fazem algo pelo país. Quero ter saúde para continuar trabalhando pelo desenvolvimento de Sergipe”, declarou ele.

 

Luta pela vida

Na sequência, foi a vez de Magno Malta fazer o seu esperado pronunciamento. “Sinto-me muito honrado por estar aqui e em poder falar da minha experiência nessa cruzada que venho fazendo pelo país. Estamos aqui para lutar pela vida e se algo do que foi dito aqui chegar ao boteco da esquina ou em algum lar, já terá valido muito à pena ter vindo aqui”, disse o senador.

Chamando a atenção para o perigo silencioso que é a pedofilia, ele ressaltou que a sociedade precisa de uma prevenção efetiva, para tanto, porém, é preciso que haja ampla e constante informação. Ele também frisou a necessidade das famílias estarem atentas e participarem atentamente da educação das crianças. “Só a família pode salvar a família. Filho, naturalmente, imita os pais. O caráter é formado pelo que a criança vê e não pelo que ela ouve”, destacou Magno Malta.

Dando ensinamentos sobre o modo como os pais podem ensinar seus filhos a se defender dos pedófilos, o senador falou do trabalho que realizou à frente da CPI da Pedofilia e das importantes alterações nas leis que tanto têm ajudado a punir os criminosos. “Esse mal tem roubado a infância de muitas crianças deixando seqüelas para toda a vida. O pedófilo é alguém acima de qualquer suspeita, geralmente ganha a confiança da família para poder ter liberdade para agir. Assim sendo, temos que desconfiar de todos”, alertou ele.

Ao final das exposições, os representantes da mesa e alguns parceiros da causa foram convidados a assinar a carta de intenções da caravana. Trata-se de um ato de incentivo às demais empresas públicas e privadas a se engajarem na causa. Em seguida, foi servido um coquetel e ocorreram shows com bandas locais e nacionais, tais como Alapada, Lauriete, Frank Aguiar, Daniel e Samuel e César Menotti e Fabiano. Todos os artistas abriram mão dos cachês e voluntariamente somaram-se à nobre causa.

Os comentários estão encerrados.

ATENÇÃO!!!

Clique aqui para acessar o site da Aracajucard