Projeto do Sest Senat é exemplo internacional

Inscrições para Prêmio Setransp de Jornalismo até 14/10
30 de agosto de 2011
Transporte não é problema
1 de setembro de 2011

O projeto “Sest Senat na luta contra a Aids” foi uma das experiências selecionadas pelo Ministério da Saúde para apresentação a uma comitiva de técnicos africanos que visitou o Brasil em meados de agosto. O convite do ministério é um reconhecimento às ações de prevenção do Serviço Social do Transporte (Sest) e do Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Senat), que já atingiram este ano 433,6 mil trabalhadores e têm como meta chegar a um milhão de pessoas até dezembro.

A visita ao Brasil de representantes de Botswana, Quênia e Tanzânia  aconteceu entre os dias 15 e 18 de agosto, em São Paulo (SP), e teve a participação da superintendente técnica do Sest Senat, Ednalva Vieira, e do diretor da unidade de Santo André (SP), Rafael Marchesi.

O roteiro dos técnicos estrangeiros incluiu visita à unidade paulista, onde a comitiva conheceu a infraestrutura, o trabalho da instituição, principais projetos e, especialmente, as ações voltadas para a luta contra a Aids junto a trabalhadores do transporte, além de seus resultados.

A programação do evento foi coordenada por técnicos do Departamento de Doenças Sexualmente Transmissíveis, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde e teve apresentações sobre políticas públicas de prevenção. As discussões sobre o tema foram realizadas no Centro de Referência e Treinamento em HIV/Aids de Vila Mariana, São Paulo.

Assessora técnica do departamento, Nara Vieira conta que o Sest Senat foi indicado por trabalhar com populações móveis, o que  interessou particularmente à delegação de Botswana. “Eles ficaram bem impressionados com o trabalho”, afirmou.

Nara citou especificamente todas as mobilizações promovidas pelas unidades em 2011, a capilaridade, o potencial de articulação da estrutura e o curso a distância, segundo ela bastante elogiado. Os técnicos africanos conheceram também as experiências desenvolvidas pela mineradora Anglo American e pela Philips do Brasil.

Resultados

O balanço parcial do programa do Sest Senat mostra que no período de Carnaval, em março deste ano, foram abordados 152,5 mil motoristas, que receberam material  educativo e preservativos em blitzes promovidas pelas unidades regionais da instituição. Em abril, esse número subiu para 205 mil pessoas, durante as atividades da Semana Nacional da Saúde em todo o país.

As demais ações realizadas até agora incluíram atividades de conscientização no Dia dos Namorados (40 mil atendimentos); palestras sobre Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs)/Aids e Hepatites Virais (2,1 mil participantes), campanhas de vacinação contra Hepatite B e outras doenças (8,4 mil participantes)  e distribuição de 24,8 mil preservativos  em consultas e ações especificas de cada unidade.

Foram organizados também  seminários com o tema “Conversando sobre Aids no local de trabalho” em Patos de Minas (MG), Colatina (ES), Rio Verde (GO), Macapá (AP) e São Luís (MA). Esses eventos registraram público de 720 participantes, entre empresários, gerentes e técnicos da área de Recursos Humanos.

Fonte: Agência CNT

Os comentários estão encerrados.

ATENÇÃO!!!

Clique aqui para acessar o site da Aracajucard