Prevenção ao Coronavírus: Idosos são informados sobre a suspensão temporária da gratuidade

Coronavírus: Aracajucard desenvolve campanha de troca de dinheiro por cartão eletrônico
19 de maio de 2020
Aracajucard volta a ter atendimento presencial nos terminais
1 de junho de 2020

Foto: Jorge Henrique

Os ônibus de Aracaju e da região metropolitana estão circulando nesta quinta-feira, 21, com o aviso sobre a limitação do uso da gratuidade pelos idosos. Conforme Decreto Municipal nº 6. 140, idosos somente poderão valer-se da concessão de gratuidade no transporte público coletivo municipal, das 10h às 15h. Segundo a Prefeitura, a medida visa salvaguardar os idosos, desestimulando-os a utilizarem o serviço nos horários de pico. Vulnerável e grupo de risco para o contágio da Covid-19, a população idosa representa quase 70% dos óbitos provocados pela doença na capital sergipana.

Em abril de 2019, a utilização do cartão Mais Aracaju Gratuidade para idosos foi de mais de 37 mil, já no mesmo mês neste ano, no período de ápice da quarentena de combate ao Corona Vírus, essa quantidade de utilização do cartão ainda marcou 7,3 mil. Contudo, considerando também os idosos que não passam pela catraca e fazem uso do benefício somente com a carteira de identidade, esse número passa do dobro, e representa mais de 14,6 mil de usuários em abril deste ano. Como o sistema do cartão eletrônico ainda não permite o bloqueio temporário (apenas o bloqueio total), o cumprimento do que estabelece o Decreto contará muito mais com a conscientização dos idosos sobre a importância da medida.

Alguns, quando recebem o aviso, desistem e dizem que irão retornar para casa, outros insistem em se deslocar pagando a passagem, e a minoria mostra certa resistência. Motoristas, cobradores e orientadores de embarque das empresas seguem informando à população sobre essa e outras determinações dos Decretos, como o uso de máscaras, por exemplo. É extremamente relevante que todos os passageiros colaborem respeitando as ações de combate ao Coronavírus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *